Penitenciária de Curitibanos inaugura exposição permanente com produtos fabricados pelos reeducandos

11 Dezembro 2018 19:02:39

A Penitenciária da Região de Curitibanos conquistou em 2018 o 2º lugar do prêmio “boas práticas” .

penitenciaria_de_curitibanos_inaugura_uma_exposicao_permanente_com_produtos_fabricados_pelos_reeducandos_20181211_1396238103.jpeg
Foto: Denise Lacerda/SJC

A Penitenciária da Região de Curitibanos, em São Cristovão do Sul, inaugurou na manhã desta terça-feira, 11, dois importantes espaços: um amplo auditório com mais de 50 lugares para eventos e formaturas e um moderno “show room” de 360 m² para exposição permanente dos produtos fabricados pelos reeducandos que trabalham nas empresas conveniadas dentro penitenciária. Ambos representam um marco da política de ressocialização do sistema prisional de Santa Catarina, com 100% dos presos trabalhando e 50% estudando.

“São espaços muito importantes que irão aproximar ainda mais a penitenciária da comunidade, uma vez que o “show room” poderá  ser visitado por familiares, estudantes, empresários e demais membros da sociedade, além prestar uma homenagem aos colegas agentes penitenciários que muito contribuíram para esta unidade prisional”, ressalta o secretário de Estado da Justiça e Cidadania, Leandro Lima.

O auditório recebeu o nome do agente penitenciário Daniel Weber Pedroso, que trabalhou na unidade durante 26 anos como plantonista e chefe de turma. Já o “show room” foi uma homenagem a agente penitenciária Marlene Palhano Telles, que durante 21 anos dedicou-se as atividades administrativas da Penitenciária. “As construções representam um ato de gratidão aos profissionais e amigos homenageados que serão permanentemente lembrados”, destaca o diretor Vladecir de Souza Santos, que aproveitou a solenidade para entregar às autoridades o Relatório de Indicadores de Gestão, versão 2018, com todos os dados de administração da Penitenciária.

Além do secretário Leandro Lima e do diretor Vladecir de Souza Santos, participaram da solenidade o diretor do DEAP, Deiveison Querino Batista; o deputado estadual Nilson Berlanda, o juiz da Vara de Execuções Penais da região, Dr. Juliano Schneider de Souza; a promotora da Vara de Execuções Penais, Dra. Daniela Moritz; representantes da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros; vereadores, entre outras autoridades.

Prêmio “Boas Práticas” - A Penitenciária da Região de Curitibanos conquistou em 2018 o 2º lugar do prêmio “boas práticas” em gestão pública da Udesc/Esag, na modalidade qualidade na gestão pública (categoria estadual). O projeto “Uma nova perspectiva de vida para o reeducando do sistema prisional” mostra a implementação de políticas de trabalho e educação para os reeducandos que cumprem pena na unidade.

A unidade prisional conta com 19 mil m² de área com pavilhões industriais. São mais de 800 reeducandos desenvolvendo atividades laborais de agricultura, pecuária, ovinocultura, madeireira, produção de estofados, brinquedos, peças automotivas, artefatos de cimento, palitos, cabos de vassouras, além de serviços de limpeza e conservação de praças e vias públicas.


Assessoria de Imprensa 
Secretaria de Estado da Justiça e Cidadania - SJC

Imagens

penitenciaria_de_curitibanos_inaugura_uma_exposicao_permanente_com_produtos_fabricados_pelos_reeducandos_20181211_1396238103.jpeg

EDITORIAS

Copyright © 2015. Todos os direitos reservados | Jornal Nossa Terra